Mergulho

   O extremo sul da Bahia oferece  espetáculo inédito a todo instante nessa região de contraste cênicos, tanto aquáticas como terrestre.

    Em meio ao atlântico sul, em uma região de águas mornas, azuis e cristalinas, os banco de areias, recifes de corais e ilha vulcânicas, desenham uma bela geografia submarina, tão fascinante que é difícil descrever.

   Fauna e flora, bailam cintilantes em outra  dimensão, correndo das águas.        

   Contemplar os recifes de corais raros, admirar as baleias Jubarte, participar de um safári geográfico, explorar naufrágios e cavernas submarinas em mergulhos orientados estão entre as principais atividades ecoturisticas,  praticadas em toda a extensão do Parque Nacional Marinho de Abrolhos, de cerca de  910 km²,  que compreende (2) duas áreas distintas; recifes dos Timbebas e o arquipélago dos Abrolhos.  

    Mergulhadores profissionais e amadores, consideram o Pque Nacional Marinho de  Abrolhos, um dos pontos mais bonitos do mundo para se mergulhar.

   Tanto os recifes dos Timbebas quanto o arquipélago de Abrolhos, somam muitas condições de mergulho excelentes e raras quando juntas; águas oceânicas rasas e cristalinas, a uma temperaturas entre 23ºC no inverno e  27º C no verão.

   A temperatura do ar, varia de inverno a verão entre 24ºC e 27ºC, e a transpa- rência da água, fica em torno de 15 a 25 metros.

    Mergulhar é imprescindível para quem deseja extasiar-se, com um festival de luzes e cores, em um mundo submerso e silencioso, com profundidades máximas de 30 metros.

      Recife dos Timbebas

     Naufragio: Destroços do Farol                               Vista aerea dos recifes   

 

    Com uma área de 190 km², é o principal ponto de mergulho para quem parte da cidade de Prado, por causa de sua riquíssima fauna marinha , como  pelas grandes colônias de coral fogo (Mileporas - hidrocorais) de até três metros de diâmetros, endêmicos e raros.

    Em timbebas, também encontramos os corais negros.  Preciosos e com formação que mais lembram os cipós de nossas matas nativas.

    A formação dos recifes de Timbebas é resultante do agrupamento de varios

chapeirões, unidos e cimentados pelas algas coralinas e outros organismos

incrustantes, formando colunas, que crescem do fundo até atingirem o nível médio do mar.  Estas colunas tem a forma de imensos cogumelos, com alturas entre 5 e 20m e diâmetros de 4 a 30m. Esta forma particular de crescimento de recife de corais não tem similar no mundo.

   Sua superfície descobre-se na maré baixa.

   A "Mussismilia brasiliensis" , também conhecido como coral cérebro, por causa de sua formação plástica, é o coral predominante nesta área. 

   Mas é no mergulho autônomo que se descobre o quanto há de vida em suas águas submersas.

   Garoupas, Frades, Budiões, Lagostas, Polvos, Moréias , Tartarugas e Arrais, são algumas das espécies que freqüentam o local.

    Ha também os destroços do antigo farol de sinalização submersos.

   O que podemos destacar no mergulho nos recifes de Timbebas, são as extensas cavernas, algumas com até 15m, que podem ser transpostas com segurança.

Conjunto do Parcel das Paredes

 

1- Recife de areais

 

    

      Situado no centro do parcel das paredes em águas oceânicas, o recifes de areias, é uma das partes do conjunto do Parcel das paredes mais  próxima a costa.

     Um banco de areia no centro e os recifes de coral, possibilitam tanto a pratica do mergulho, como passeios na superfície. Na maré baixa surgem as piscinas naturais formadas entre os recifes, com profundidade de até 10 m.      É possível observar as tartarugas e dezenas de peixes multi - coloridos com o auxilio  de equipamentos, além do banho em auto mar em águas rasas e transparentes.

     Nos recifes das areias, encontramos em grande quantidade as tartarugas de pente, que la fazem seu local seguro de moradia.

 

 

2- Recife dos Cablocas e Recife Aranguera

        

      Bons para prática de mergulho livre, seus recifes ficam visíveis em maré baixa, formando piscinas internas.

      Há uma grande quantidade de peixes como:  Sargento, Pauí, Barbeiro e Vermelho.

      Boa visibilidade chegando a atingir 20 metros.  

     

     

3- Recife das Lixas 

      

       Outro ponto dentro do perímetro do parcel das paredes exclusivo para
mergulho autônomo com equipamento”Scuba”. O nome decorre da presença em grande quantidade de tubarões lixas. 

       Uma especie de tubarão sem dentes e de comportamento docil, que habita esses recifes.

      Não é um local , muito abrigado, e costuma ventar bastante, dificultando fundear embarcações.

 

 

4- Recife da Pedra Grande  

 

 

                     

         É o maior em área recifal. Do lado interno, voltado para a costa e bem abrigado, permite bons mergulhos tanto livre como autônomo.

      Profundidade máxima de 20 metros e visibilidade media de 15 metros.

      Lá encontraremos o naufrágio S.S. Nébula.  Um navio de passageiros de bandeira judaica, torpedeado por um submarino alemão em 1920.

    Tem comprimento de 85 metros, casco de aço, pisos e casarios de madeira. Equipado com 3 caldeiras (uma de alivio central) e duas hélices

direita. 

    Encontra-se a uma profundidade com inicio a 4 mts e fim a 17 mts.

    Para os mais experientes e graduados, da para fazer uma penetração ao seu interior.

   

 

   

   Você pode trazer seu equipamento ou usar um dos nossos.

   Possuímos um compressor para recarga de cilindros.

   Nossos instrutores estão aptos a oferecer todos os cursos, compreendidos no curriculum da PAD I.

    Se você nunca mergulhou, experimente essa sensação junto com o pessoal  da PRIMAR.

     

 

       FAÇA O SEU BATISMO DE MERGULHO COM A GENTE

      Experimente a sensação de mergulhar com todo o equipamento autônomo, num dos melhores points do Brasil.

      Nossos instrutores credenciados, orientarão você sobre os procedimentos e técnicas de mergulho, bem como o funcionamento e manuseio de todos os equipamentos.

      Apos a preleção, você cairá na água acompanhada por nosso instrutor, que manterá a

todo instante um contato físico.

      O batismo e indicado para quem nunca teve a experiência de mergulhar equipado.